Arquivo da tag: Literatura Medieval

O mal na literatura medieval: o exemplo do estudante e incontinente (Daniel Padilha Pacheco da Costa)

foto blog

VILLON, 1489 apud COSTA, D. P P. Testamento do Vilão – Invenção e recepção da poesia atribuída a François Villon.

“Este artigo discute a representação do mal na literatura medieval a partir do exemplo do estudante incontinente, em particular, da personagem do célebre malfeitor François Villon. Para isso, procuramos decifrar a enigmática conclusão do seu primeiro poema longo, o Lais, cuja descrição metalinguística da perda de consciência pelo louco amante oferece uma explicação escolástica para a sua perturbação mental. Essa explicação permite a Villon justificar a fuga de Paris por meio da sua incontinência que, como sempre acontece na lírica cortês da época, é amorosa e moral ao mesmo tempo.”

 

Leia o ensaio completo aqui.

 

(*)Esse ensaio foi publicado originalmente na Revista Aletria, v. 27, n. 1.  Republicamos aqui, com autorização do próprio autor, com fins puramente acadêmicos.