Quadros do Gótico na poesia brasileira (Fernando Monteiro de Barros)

Resultado de imagem para gótico na poesia brasileira“Em três diferentes momentos da poesia brasileira – Tarde (1919), de Olavo Bilac; Talvez poesia (1962), de Gilberto Freyre; Rua do mundo (2004), de Eucanaã Ferraz – podemos perceber a presença do Gótico em nossa literatura, em uma espécie de narrativa recalcada da cultura brasileira. O Gótico é um gênero que desliza entre os gêneros literários e transita entre a alta cultura, a cultura de massa e a cultura popular, além de ultrapassar as fronteiras do mundo anglo-saxão onde surgiu. Aqui, propomos a categoria de “Gótico brasileiro”, ou Brazilian Gothic, para perscrutarmos a manifestação desta estética das brumas espessas e dos castelos sombrios na literatura de um país solar, tropical e pertencente ao Novo Mundo como o Brasil.”

Leia o ensaio completo aqui.

(*)Esse ensaio foi publicado originalmente no livro de ensaios Estudos do GóticoRepublicamos aqui, com autorização do próprio autor, com fins puramente acadêmicos.

Sobre William Wilson

"Eu descendo de uma raça que se distinguiu, em todos os tempos, por um temperamento criativo e facilmente irritável; e que, desde a minha infância, provou que eu herdara por completo o caráter de minha família." Ver todos os artigos de William Wilson

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: