Expressões do gótico no sertão brasileiro: morbidez e necrofilia no conto A dança dos ossos, de Bernardo Guimarães (Fabianna Simão Bellizzi Carneiro)

15588727373_d82a340259_m“O conto ‘A dança dos ossos’ fomenta importantes elementos que nos levam a questionar esse papel atribuído ao homem do campo: ignorante, supersticioso e atrasado. Como se dá a construção dessa imagem? Que sociedade era essa? Política e economicamente o que vivenciávamos no Brasil? Mais ainda: como a Literatura Fantástica, e no caso específico deste trabalho a vertente gótica, captura acontecimentos tão emblemáticos e marcantes e os transforma em expressões artísticas que traduzem as vivências do homem do sertão finissecular?”

Leia o ensaio completo

 (*) Esse ensaio foi publicado originalmente em 2014 nos Anais do II Congresso Internacional Vertentes do Insólito Ficcional. Republicamos aqui, com autorização da própria autora, com fins puramente acadêmicos.

Anúncios

Sobre William Wilson

"Eu descendo de uma raça que se distinguiu, em todos os tempos, por um temperamento criativo e facilmente irritável; e que, desde a minha infância, provou que eu herdara por completo o caráter de minha família." Ver todos os artigos de William Wilson

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: