Manifestações do gótico no sertão brasileiro: horror e perversão no conto “Bugio moqueado”, de Monteiro Lobato (Fabianna Simão Bellizzi Carneiro)

“Pretendemos, com este trabalho, lançar luzes em um período crítico da formação social brasileira: o final do coronelismo e o início das relações industriais, que afetaram negativamente as já caóticas e problemáticas relações no campo. Para tanto, nos valemos do conto “Bugio Moqueado” (1920), do escritor paulista Monteiro Lobato, que ressaltou em várias narrativas as profundas transformações ocorridas no meio agrário do interior de São Paulo.”

Leia aqui o ensaio completo

(*) Esse ensaio foi publicado originalmente em Vertentes do Insólito Ficcional. Republicamos aqui, com autorização da própria autora, com fins puramente acadêmicos

Anúncios

Sobre William Wilson

"Eu descendo de uma raça que se distinguiu, em todos os tempos, por um temperamento criativo e facilmente irritável; e que, desde a minha infância, provou que eu herdara por completo o caráter de minha família." Ver todos os artigos de William Wilson

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: