O abcesso de fixação (Gastão Cruls)

“O abcesso de fixação”, de Gastão Cruls, faz parte da coletânea de contos Ao embalo da rede, lançado pela Livraria Castilho em 1923. Afim às temáticas de medo, Cruls explora em suas obras assassinatos, aparições, psicoses e até licantropia.

Sob a epígrafe “O que mais assusta no louco é a sua razão”, de Anatole France, “O abcesso de fixação” é centrado na confissão de um assassino sobre a misteriosa morte de uma prostituta no Rio de Janeiro. Narrado do ponto de vista de um acompanhante de cabine do criminoso, a história segue um ritmo crescente, no qual o Dr. Cristiano Thompson, médico e pai de família, progressivamente se revela um completo psicopata, envolvendo o narrador em uma história cativante e aterrorizante ao mesmo tempo.

Característica comum na obra de Cruls, o conto explora os conhecimentos da medicina moderna como uma forma de causar medo no leitor. O abcesso de fixação, processo terapêutico que consiste em agravar uma infecção localizada a fim de combater uma infecção generalizada, ganha novas significações quando o médico, assolado pela morte de uma jovem paciente, se convence que a cura para suas angústias reside no assassinato de uma jovem desconhecida. Em ritmo de suspense psicológico, Cruls nos apresenta um autêntico e envolvente representante da literatura de crime nacional.

Leia aqui o conto “O abcesso de fixação”

Anúncios

Sobre William Wilson

"Eu descendo de uma raça que se distinguiu, em todos os tempos, por um temperamento criativo e facilmente irritável; e que, desde a minha infância, provou que eu herdara por completo o caráter de minha família." Ver todos os artigos de William Wilson

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: