O sertão brasileiro como espaço do gótico em “O caso inexplicável da orelha de Lolô”, de Bernardo Élis (Alexander Meireles da Silva)

screen-shot-2015-04-02-at-9-20-57-pm-e1428020604425“Enquanto imagem/conceito descritivo de uma região/geografia/local espacial que, dentre outras leituras, é representada na forma de uma terra estrangeira para os próprios brasileiros ou como lócus das enormes diferenças sociais dentro do país, o sertão brasileiro se coloca, como este artigo pretende demonstrar a partir da análise do conto O caso inexplicável da orelha de Lolô (1944), do goiano Bernardo Élis, um ambiente propício para a manifestação de narrativas que compartilham elementos semelhantes com as praticadas pela literatura gótica anglo-americana, marcadas pelo discurso racionalista das elites culturais e econômicas contra locais e grupos marginalizados.”

Leia o ensaio completo

Anúncios

Sobre William Wilson

"Eu descendo de uma raça que se distinguiu, em todos os tempos, por um temperamento criativo e facilmente irritável; e que, desde a minha infância, provou que eu herdara por completo o caráter de minha família." Ver todos os artigos de William Wilson

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: