III Encontro Nacional: O Insólito como Questão na Narrativa Ficcional

Nos dias 18, 19 e 20 de abril, o SEPEL (Seminário Permanente de Estudos Literários) promoverá na UERJ (Campus Maracanã) o III Encontro Nacional o Insólito como questão na Narrativa Ficcional.

Em parceria com o professor Alexandre Meirelles da Silva (UFG), nosso grupo de estudos estará presente neste evento, apresentando um pouco dos resultados de nossas pesquisas sobre O Medo como Prazer Estético: o Insólito, o Horror e o Sublime nas narrativas ficcionais.

Nossa mesa continua recebendo inscrições. Acesse o site do SEPEL e clique na opção Lista dos Simpósios Abertos e Inscrições Externas para obter maiores informações.

Até o momento, temos 10 apresentações inscritas:

1. Ana Carolina S. Queiroz: Ecos da Pulp Era no Brasil: “O monstro e outros contos”, de Humberto de Campos;

2. Ana Paula A. Santos: Ambiguidade e Terror em “Outra volta do parafuso”, de Henry James;

3. Bruno A. do Cantos: “Escuro e rouco como as coisas que não têm depois”: o medo em Caio Fernando Abreu;

4. Fabianna Simão Bellizzi Carneiro: “O Diabo como manifestação do fantástico no conto ‘O jovem Goodman Brown’”

5. Isabelle Rodrigues de M. Costa: Elementos góticos no conto “Venha ver o pôr-do-sol”, de Lygia Fagundes Telles;

6. Jonatas Tosta Barbosa: O leitor cruel: sadismo e curiosidade em “A causa secreta”, de Machado de Assis.

7. Luciano Cabral: Quem tem medo do Cobrador? – A sociedade e a literatura contemporânea no conto O Cobrador, de Rubem Fonseca;

8. Luciene de Lima Oliveira: Phóbos, o ‘Medo que Aniquila’ e  Déos, o ‘Medo que Conscientiza’ o herói homérico;

9. Monique de Figueiredo P. Fonseca: Crenças de bruxaria como fontes do horror artístico no conto “A Feiticeira”, de Inglês de Souza;

10. Patrícia Alves C. Corrêa: Pegadas de demônios: incursões no fantástico;

11. Pedro Puro Sasse: O terror decadentista no romance “No hospício”, de Rocha Pombo;

12. Raphael da S. Camara: O Insólito em Contos Amazônicos: Inglês de Souza sob a perspectiva do “horror artístico”.

Contamos com a presença de todos vocês em abril no SEPEL.

Anúncios

Sobre William Wilson

"Eu descendo de uma raça que se distinguiu, em todos os tempos, por um temperamento criativo e facilmente irritável; e que, desde a minha infância, provou que eu herdara por completo o caráter de minha família." Ver todos os artigos de William Wilson

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: